:: Diario de Pernambuco - Economia // Vaga de emprego no Canadá ::
Pernambuco.com


Diario de Pernambuco

  Enviar por e-mail Comentar Imprimir  
Vaga de emprego no Canadá
Processo // Seleção começa 7 e 8 de junho, com palestras gratuitas do Escritório de Imigração do Québec em São Paulo
Juliana Cavalcanti // julianacavalcanti.pe@dabr.com.br

Profissionais com curso superior completo ou com formação de tecnólogo, com alguma experiência, que falem francês e tenham interesse em morar no Canadá. Especificamente na província de Québec. A oportunidade é para quem atua em todas as áreas, com preferência para pessoas com idade até 35 anos, das áreas de enfermagem, química, estatística, matemática, engenharias, administração e contabilidade. O processo de seleção começa nos próximos dias 7 e 8 de junho, com as palestras gratuitas ministradas pelo Escritório de Imigração do Québec em São Paulo.

O programa de imigração para Québec existe há mais de três décadas. A cada ano, 50 mil pessoas são aprovadas no mundo no processo. Destes, cerca de mil, são brasileiros. "De Pernambuco, a média tem sido entre 200 e 300 imigrantes por ano. A província de Québec tem um problema demográfico, com uma população de 7,5 milhões de pessoas e densidade de quatro pessoas por quilômetro quadrado. O estímulo à imigração foi uma forma que o governo encontrou para contornar esta situação", explica Soraia Tandel, diretora do Escritório de Imigração do Québec em São Paulo.

Ela detalha que as áreas ressaltadas como preferenciais são as mais carentes de mão de obra na província canadense e com mais facilidade de emprego, mas reforça que todas as especialidades estão habilitadas para se candidatarem. Além de ter pelo menos o curso superior, o programa de imigração exige conhecimento da língua francesa em nível intermediário, no mínimo.

Como apoio, são oferecidos subsídio de até 1.500 dólares canadenses e aulas de francês de quem for selecionado e fizer as aulas na Aliança Francesa; aulas de francês também no Canadá e ajuda para se inserir no mercado de trabalho - incluindo formatação do currículo e encaminhamento para as empresas onde existam vagas. A média de tempo para conseguir um emprego varia de acordo com a área de atuação do profissional. Nas especialidades consideradas prioritárias, o tempo pode ser de dois ou três meses, maso máximo chega a seis meses.

Uma curiosidade é que a seleção dá prioridade a pessoas casadas, com filhos. "Não fazemos exigências, mas é possível dizer que os casados e com filhos têm uma pontuação maior. A nossa intenção é incentivar as pessoas a construírem suas vidas no Québec. Pelas estatísticas, 10 anos depois de imigrarem, 85% permaneceram no Québec, enquanto os demais 15% mudaram de província, de país ou voltaram para o Brasil", acrescenta Soraia Tandel, brasileira que imigrou em 1999 e hoje tem a dupla cidadania.

Ao serem selecionados, os brasileiros passam a ter os mesmos direitos que os canadenses e depois de três anos morando no Canadá podem solicitar a cidadania, obtendo direito ao passaporte e ao voto. A palestra para explicar o processo de imigração é gratuita, mas é necessário se inscrever através do site www.imigrarparaquebec.ca.


    COMPARTILHE A NOTÍCIA Adicione ao Uêba Adicione ao Digg Adicione ao Google Bookmarks Adicione ao Technorati Adicione ao Windows Live Adicione ao Reddit Adicione ao Del.icio.us Adicione ao Facebook Adicione ao Yahoo! My Web Adicione ao StumbleUpon


Carregando Aguarde: carregando capa...
Edição de sexta-feira, 28 de maio de 2010 
Selecione a data do
Diario que você
deseja visualizar



Procurar